Logo Projeto DSD Consultores

Administração, Finanças, Fluxo de Caixa, Planejamento - 02/12/2019

Olhar Empreendedor – Como ter uma visão completa das finanças

Apenas decisões embasadas na visão completa das finanças podem garantir a liquidez da empresa.

Empreendedor olhando através de binóculos - conceito: visão completa das finanças

Você já reparou que o nosso modo de olhar muda de acordo com a situação? O mesmo objeto pode ser visto de formas diferentes se a pessoa observar por vários ângulos. E isso também acontece no mundo empresarial. Existe, então, uma forma certa de olhar para a empresa a fim de ter uma visão completa das finanças?

Um empresário tem um negócio gerando lucro, vendas em alta, clientes satisfeitos e, de repente, começa a faltar dinheiro no caixa. Acontece uma vez, no mês seguinte acontece duas vezes e depois começa a aumentar, sem que ele saiba o que está ocorrendo. Embora ele não tenha deixado de olhar para a empresa, ficou uma lacuna entre as duas situações. O que houve?

Seu negócio realmente tinha tudo para dar certo, as mercadorias eram boas, tinha clientela cativa, costumava fechar ótimos negócios… A princípio estava tudo perfeito! Porém, quando a falta de dinheiro no caixa passou a ser recorrente, o empresário percebeu que o seu posto de observação estava mal posicionado. Do ângulo em que ele estava, via uma empresa funcionando, porém tinha uma visão superficial, portanto não conseguia entender a origem do problema, a falta de liquidez.

A visão superficial maquiava a quebra da empresa

Sem olhar os números do negócio, não conseguia ter uma visão completa das finanças da empresa. Assim, não percebeu que a grande parte das vendas era parcelada e nem sempre o dinheiro entrava a tempo de efetuar os pagamentos.

Outro ponto que não era observado eram as altas compras feitas para o estoque e, na sua maioria, para mercadorias que demoravam para vender. Como todo mês tinha momentos em que era preciso recorrer a empréstimos e antecipações, o valor dos juros pagos para esta operação foi aumentando até ficar maior que o lucro gerado pelo negócio.

Agora o empresário via sua empresa como um desafio a ser enfrentado. Ainda era um olhar superficial, mas saiu em busca de um ponto de observação que o permitisse enxergar o todo para avaliar e entender o que estava ocorrendo. Foi quando resolveu subir em uma montanha mais alta que a da sua empresa e pegar seu binóculo do Fluxo de Caixa. Dali ele teve uma visão ampla e pode focalizar em cada departamento que precisava ser analisado.

O Fluxo de Caixa proporciona uma visão completa das finanças

O Fluxo de Caixa é capaz de mostrar um quadro mais completo do negócio e tem “binóculos” que mostram detalhes de seu funcionamento, primordiais para as tomadas de decisões. Por este ponto de observação o empresário tem condições de projetar a estimativa das entradas e saídas de dinheiro para os próximos meses e, em consequência, avaliar a geração de liquidez da empresa.

Além disso, pode se organizar e avaliar os pagamentos feitos diariamente através da análise do previsto x realizado de cada conta. Portanto, para alcançar o sucesso é necessário olhar fundo nos olhos do empreendimento, enxergar seu interior e, com decisões embasadas na visão completa das finanças, provocar transformações.

Imagem de Matt Hardy por Pexels.

Escrito por:
Francisco Barbosa Neto

Diretor da DSD Consultores, iniciou sua atividades em 1989 com atuação em Gestão Empresarial. Como consultor, tem ajudado as pessoas a não perderem dinheiro com o seu negócio, mostrando uma nova maneira de pensar, agir e medir com relação à gestão financeira.